• Ariani Baggio

Tratamento manual fisioterapêutico osteopático ajudando na sintomatologia da sinusite.


A sinusite é a inflamação dos seios paranasais da face e geralmente é causada por uma infecção viral, bacteriana ou fúngica.

Os seios paranasais são espaços cheios de ar no crânio ( atrás da testa , bochechas e olhos ) que são revestidos com membranas mucosas .O organismo mantém estes espaços estéreis ( isto é , não contendo bactérias ou outros organismos),e o faz através da manutenção da livre circulação de ar, permitindo produção e drenagem equilibrada de muco. Alterações anatômicas, que impedem a drenagem da secreção, e processos infecciosos ou alérgicos, que provocam inflamação das mucosas são fatores que predispõem à sinusite.

No seguimento de uma constipação ou gripe, estas cavidades podem inflamar, promovendo o desenvolvimento de uma infecção bacteriana.


Os sintomas são:


-Congestão nasal.

-Dor de garganta e gotejamento pós-nasal (muco correndo pela parte posterior da garganta, especialmente à noite ou quando deitado) .

-Dor de cabeça (dor tipo pressão) como, dor atrás dos olhos, dor de dente e facial.

-Tosse.

-Febre .

-Mau hálito ou perda da capacidade de sentir o cheiro .

-Fadiga e mal-estar geral .

A abordagem da Osteopatia para a sinusite foca-se na melhoria da drenagem das secreções e na biomecânica dos ossos do crânio, onde se inserem os seios, para que o risco de infecção e inflamação seja reduzido ao mínimo.

A atuação osteopática é sempre generalizada, com uma abordagem holística e global do paciente, como tal, utilizam-se técnicas osteopáticas, tanto à distância como locais, para a dor craniofacial. Um exemplo é a relação entre o crânio, pescoço, tórax e ombros que também pode levar a um comprometimento da drenagem dos seios da face.


1 visualização0 comentário